Dieta para Hipertrofia Muscular [Feminina e Masculina]

198
Dieta para Hipertrofia
Dieta para Hipertrofia

Pessoas que desejam ganhar massa muscular e estão em busca de uma alimentação que possa auxiliar neste processo podem investir em uma dieta para hipertrofia, que deve ser repleta de alimentos simples para garantir o crescimento e fortalecimento dos músculos de maneira saudável, necessitando de algo que seja sustentável para conseguir mantê-la por um longo tempo, até alcançar seus objetivos, realizando pequenos ajustes para que, possivelmente, seja levada posteriormente como uma rotina normal.

Dietas da dieta para hipertrofia muscular

Há várias dietas que são voltadas para hipertrofia, sendo que muitas delas seguem o mesmo padrão e conceito: o cálculo de ingestão de calorias.

Para obter a hipertrofia, é necessário aumentar as calorias diárias que são ingeridas, causando o crescimento, tendo uma base de quanto deve-se ingerir para conquistar os resultados e sentir a diferença, porém não pode-se subir as calorias com qualquer tipo de alimento, priorizando as fontes de proteínas, além de vitaminas, que são mais saudáveis e colaboram para o bem-estar e saúde. Normalmente calcula-se a quantidade necessária para hipertrofia conforme o peso corporal da pessoa, este que deve ser multiplicado por 40, realizando um cálculo rápido para não acumular gordura e subir a massa magra.

Cardápio da dieta para hipertrofia feminina e masculina

O cardápio da dieta para hipertrofia pode ser bastante variado, priorizando alimentos mais simples e saudáveis que podem lhe render resultados mais rápidos e com qualidade.

O café da manhã de uma dieta para hipertrofia pode ser composto de dois ovos inteiros preparados em forma de panqueca ou mexidos, juntamente com aveia e banana ou até mesmo preparar uma vitamina com albumina, pasta de amendoim, banana e aveia, para aqueles que desejam suplementar-se.

O almoço deve conter arroz integral ou batata doce juntamente com uma carne magra, que pode ser patinho ou frango, podendo incluir algumas saladas ou legumes, como o brócolis.

O lanche da manhã deve incluir iogurte natural juntamente com aveia e pasta de amendoim, obtendo proteína por meio de outra fonte, ou pode ser feito com uma vitamina de banana batida juntamente com whey protein.

O jantar deve conter bastante proteína, assim como um filé de peixe juntamente com arroz integral e brócolis ou até mesmo um lanche de pão de forma integral com frango desfiado e alface.

A ceia basicamente repete o mesmo intuito do almoço, misturando algum carboidrato, como batata inglesa ou arroz integral, juntamente com proteína que pode variar entre carne de patinho (feita em forma de hambúrguer ou almôndega, por exemplo), além de bife de coxão mole.

Como fazer a dieta para hipertrofia

Para fazer a dieta para hipertrofia é necessário optar por alimentos que possam fazer parte do dia-a-dia, cultivando o cardápio para conquistar e manter os resultados que foram obtidos, além de dar continuidade aos exercícios físicos que darão uma grande diferença na rapidez e até mesmo qualidade das metas que foram traçadas, muitas vezes optando pela musculação que envolve esse ganho de massa muscular de maneira mais concentrada em cada parte do corpo.

Além da dieta para hipertrofia, é necessário manter a hidratação em dia, ingerindo pelo menos dois à três litros de água diariamente.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2 votos, media: 5,00 de 5)
Loading...