Dieta Japonesa → Cardápio Completo [FUNCIONA]

101
Dieta Japonesa
Dieta Japonesa

Dietas da moda tornam-se um dos objetivos de várias pessoas que desejam emagrecer, utilizando cardápios diversos para atingir objetivos de maneira rápida e efetiva, conquistando o corpo dos sonhos e adentrando nos padrões de beleza dos brasileiros, sendo uma das opções a dieta japonesa, já testada e comprovada por muitos em questão de eficácia para diminuição dos números na balança.

Dietas da dieta japonesa

A dieta japonesa fornece um cardápio bastante restrito, o que proporciona resultados bastante rápidos, desde que siga-se a alimentação à risca, sem a possibilidade de realizar substituições de acordo com seu paladar para não oferecer variações de calorias ou nutrientes que o corpo irá ingerir, reduzindo completamente a quantidade ingerida de alimento de uma alimentação rotineira.

Ainda que chamada de dieta japonesa, o consumo de pratos japoneses não é o foco desta dieta, sendo que a maioria dos alimentos presentes baseia-se em frutas, legumes e verduras, realizando apenas três refeições diárias baseadas nestes nutrientes, praticamente eliminando o consumo de carboidratos fora deste escopo e proteínas de origem animal.

Cardápio da dieta japonesa

O cardápio da dieta japonesa deve ser seguido à risca para obter os resultados desejados de emagrecimento rápido e resultados eficazes, sem a possibilidade de variações que podem ser feitas dos alimentos indicados.

O café da manhã deve ser feito apenas com uma xícara de chá ou café com a possibilidade de adicionar adoçante, sendo que alguns dias pode-se consumi-lo junto com uma unidade de bolacha de água e sal.

O almoço pode apresentar algumas opções durante a semana da dieta japonesa, sendo uma delas a ingestão de dois ovos cozidos temperados com sal juntamente com verduras ou um bife grelhado com um prato de salada com algumas frutas ou ainda um filé de peixe que pode ser frito com o acompanhamento de tomates à vontade. Queijos também podem ser misturados com ovos cozidos para variar a rotina semanal.

O jantar é ainda mais restrito, somente com uma pequena porção de alimentos que pode ser ingerido, assim como um bife grelhado com salada de alface ou presunto à vontade ou ainda uma salada mesclando algumas verduras e legumes, além de uma embalagem de iogurte que também pode fazer parte do cardápio neste momento do dia.

Como fazer a dieta japonesa

A restrição da dieta japonesa pode ser pouco difícil de ser seguida por algumas pessoas pela grande queda de calorias diárias ingeridas, assim deve-se segui-la por um período determinado, normalmente nunca ultrapassando de uma ou duas semanas, além de voltar de maneira lenta à rotina alimentar anterior para que não aconteça o famoso efeito sanfona, o que poderá prejudicar os resultados obtidos.

Juntamente com a ingestão dos alimentos do cardápio da dieta japonesa, indica-se o consumo de uma grande quantidade de líquidos, tanto para manter a hidratação do corpo durante o processo, quanto para evitar picos de fome devido à redução drástica de calorias e as poucas refeições que são feitas diariamente neste protocolo.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votos, media: 5,00 de 5)
Loading...